terça-feira, 18 de janeiro de 2011

A CONTINUIDADE DO JOGO DE MOVIMENTO (II)

São duas equipas francesas do melhor nível: Clermont e Stade Français. No final do jogo os jogadores do Clermont – á procura de um ponto de bónus – decidiram-se pela continuidade, correndo os riscos necessários, garantindo a posse da bola, movendo-se de acordo com o movimento da bola, impondo a pressão necessária à criação de constrangimentos defensivos – obrigando à dúvida na decisão -  e à libertação de espaço para que a alteração dos ângulos de corrida permita a permanência do apoio em tempo útil, tudo num alinhamento de vontade e disponibilidade colectivas que garanta uma soma das partes superior ao seu todo.


video
vídeo "encontrado" pelo Rafael Lucas Pereira
A continuidade como elemento essencial do jogo de movimento. E do prazer de jogar e de ver.
(segue)

Arquivo do blogue

Quem sou

Seguidores